Bombardeios no norte da Síria deixam ao menos 25 mortos

(Atualiza número de mortos e mais detalhes)

Cairo, 15 mar (EFE).- Pelo menos 25 pessoas morreram nesta quarta-feira, entre elas 14 crianças, em bombardeios contra Idlib e Maarat al Masrijin, no norte da Síria, informou o diretor do Observatório Sírio de Direitos Humanos, Rami Abdel-Rahman.

O maior número de mortos, a maioria deslocados, foi em Idlib, capital da província homônima, onde pelo menos 14 menores, oito mulheres e um homem morreram em dois ataques de aviões de combate, possivelmente russos, durante o amanhecer na região de Al Qusur, segundo a ONG.

A ONG não descartou que o número de mortos nesses bombardeios aumente porque há desaparecidos sob os escombros.

Esta região está quase totalmente controlada pela Organização de Libertação do Levante (aliança armada do ex-braço sírio da Al Qaeda) e outros grupos.

Esta quarta-feira marca o sexto aniversário do início da guerra no território sírio, que já deixou mais de 321 mil mortos, de acordo com a última apuração divulgada pelo Observatório Sírio de Direitos Humanos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos