ONU alerta sobre possível deslocamento em massa de civis do oeste de Mossul

Nações Unidas, 16 mar (EFE).- A ONU alertou nesta quinta-feira sobre um possível deslocamento em massa de civis da parte ocidental da cidade iraquiana de Mossul, da qual as forças governamentais tentam expulsar os jihadistas do Estado Islâmico (EI).

Segundo as Nações Unidas, desde o início da ofensiva nessa região da cidade, em fevereiro, fugiram 20 mil civis dos cerca de 800 mil que viviam no local.

O deslocamento da população, segundo a organização, ocorre a ritmo muito maior que o vivido durante a tomada de Mossul oriental, que o Exército iraquiano e aliados concluíram em janeiro.

"É diferente", advertiu a coordenadora humanitária da ONU para o Iraque, Lise Grande, em teleconferência com jornalistas na sede das Nações Unidas.

Segundo Grande, agora há possibilidades de haver um "êxodo em massa" e incerteza que as agências humanitárias disponham dos recursos suficientes para responder à altura.

A ONU calcula que haja entre 650 mil e 680 mil civis em Mossul ocidental, dos quais cerca de 400 mil residiriam na parte antiga da cidade, onde atualmente ocorrem os combates.

"Tememos que os civis lá estejam encurralados em uma situação extremamente perigosa", disse Grande, que afirmou que as famílias que fogem também enfrentam grandes riscos, inclusive ataques do EI.

A situação humanitária pode complicar ainda mais com o tempo, segundo a responsável da ONU, que não descartou que a parte antiga de Mossul termine sendo alvo de um prolongado assédio.

Grande destacou que os civis que estão saindo da região migram em condições muito difíceis e relatam falta de comida e água dentro da cidade.

Desde outubro do ano passado, quando o Iraque iniciou a operação para retomar Mossul, 345 mil civis se viram obrigados a deixar suas casas, dos quais 275 mil ainda não retornaram.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos