Arábia Saudita volta a abrir ao Irã as portas da peregrinação a Meca

Riad, 17 mar (EFE).- Arábia Saudita e Irã alcançaram um acordo para que os peregrinos muçulmanos iranianos possam participar neste ano do rito da peregrinação à cidade santa saudita de Meca, um dos cinco pilares do islã.

Este acordo é fechado depois que a participação dos fiéis iranianos foi suspensa no ano passado em meio a uma escalada da tensão entre ambos países, que explodiu em janeiro de 2016.

No início do ano passado, manifestantes iranianos atacaram a embaixada saudita na capital persa em protesto pela execução na Arábia Saudita do proeminente clérigo xiita Nemr al Nemr.

O governo saudita respondeu com a retirada de seus representantes diplomáticos de Teerã, o que desembocou na ruptura das relações entre ambos países.

Em maio desse ano, Riad decidiu não conceder ao Irã a cota anual de peregrinos, depois que fracassaram as negociações entre ambos Estados sobre as condições da peregrinação a Meca.

Segundo o comunicado divulgado nesta sexta-feira pela agência oficial saudita "SPA", o ministro da Peregrinação saudita, Mohammed Saleh bin Taher Benten, se reuniu na cidade de Jidá no último dia 23 de fevereiro com o principal responsável da organização da peregrinação do Irã, Hamid Mohamadi.

O objetivo do encontro era discutir "as disposições dos peregrinos iranianos, de acordo com todos os procedimentos aprovados com os países árabes e islâmicos", afirmou a nota, sem oferecer mais detalhes.

O comunicado conclui afirmando que o ministro saudita realizou todas as regras necessárias para que os peregrinos do Irã possam participar do "hajj" deste ano, que acontecerá no final de agosto.

No último dia 10 de janeiro, o Irã confirmou o recebimento de um convite oficial da Arábia Saudita para tratar o reatamento da peregrinação de seus fiéis a Meca.

Segundo informaram então veículos de comunicação oficiais iranianos, as conversas tinham como objetivo discutir os preparativos, assim como alojamento, transporte, segurança, assistência médica e vistos.

A peregrinação a Meca é um dos cinco pilares do islã, junto ao testemunho de fé, a esmola, a oração e o jejum no mês do Ramadã.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos