Mais de 3.000 imigrantes são resgatados em 48 horas no Canal da Sicília

Roma, 20 mar (EFE).- Mais de 3.000 imigrantes foram salvos em 24 operações nas últimas 48 horas no Canal da Sicília, a faixa de mar que separa as costas da África e da Itália, confirmaram nesta segunda-feira à Agência Efe fontes da Guarda Costeira que coordena os resgates nesta área do Mediterrâneo.

Estas fontes explicaram que se prevê que este número aumentará ,já que durante a madrugada e nesta manhã estão sendo realizados outros resgates.

Nas operações do fim de semana participaram tanto unidades da Guarda Costeira italiana, como da missão europeia Eunavformed, além de embarcações de diferentes ONGs.

Somente neste ano foram salvos 15.852 imigrantes, o que representa 67% a mais que no mesmo período do ano anterior, segundo os dados do Ministério do Interior da Itália.

A emergência da imigração não cessa e o governo italiano calcula que neste ano chegarão ao pais 250.000 imigrantes, 70.000 a mais que no ano passado.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos