Atentados em campo de deslocados na Nigéria deixam quatro mortos

Abuja, 22 mar (EFE).- Pelo menos quatro pessoas morreram e outras 18 ficaram feridas em um atentado múltiplo perpetrado nesta quarta-feira em um acampamento de deslocados internos na cidade de Maiduguri, no nordeste da Nigéria, informou a polícia.

As explosões ocorreram por volta das 4h (1h, em Brasília) no acampamento de Muna Dalti, que acolhe pessoas que fugiram da violência do grupo terrorista nigeriano Boko Haram.

O delegado da polícia estatal, Damin Chukwu, explicou que pelo menos quatro pessoas morreram neste ataque perpetrado por vários terroristas suicidas.

Nenhum grupo reivindicou o atentado, mas tudo aponta para o Boko Haram, que mantém uma campanha de terror no país, especialmente na zona norte.

Maiduguri, capital do estado nortista de Borno, é alvo constante dos terroristas, que no sábado já atentaram na cidade e mataram outras quatro pessoas.

O Exército da Nigéria conseguiu nos últimos meses recuperar boa parte do território conquistado pelo Boko Haram no nordeste do país, onde os jihadistas querem estabelecer um califado regido pela sharia ou lei islâmica.

Debilitada sua capacidade militar pelos avanços do Exército, a milícia islamita recorreu de forma crescente os atentados suicidas contra civis, alvos mais fáceis que os militares ou as sedes do governo.

Desde o início de sua campanha em 2009, o terrorismo do Boko Haram tirou a vida a mais de 20 mil pessoas e obrigou a mais de duas milhões de pessoas na região deixar seus lares, segundo números de organizações humanitárias internacionais.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos