Explosão em fábrica deixa 3 mortos e 20 feridos em Santa Lúcia

Castries, 22 mar (EFE).- Uma explosão em uma fábrica industrial deixou três mortos, 20 feridos e oito desaparecidos, em Cul de Sac, cidade vizinha a Castries, capital da ilha caribenha de Santa Lúcia, segundo informações divulgadas por fontes do governo local.

A explosão, que aconteceu às 18h (horário local, 19h de Brasília) de terça-feira, provocou a morte de três pessoas, que de acordo com dados disponíveis eram funcionários da empresa, incluído um irmão do proprietário da fábrica, além de oito estão desaparecidos.

Dezenas de ambulâncias levaram os feridos para hospitais da capital, e equipes de resgate que ainda trabalham na região.

Membros das equipes de resgate disseram aos veículos de imprensa locais que muitas das pessoas hospitalizadas estavam em estado grave, e um porta-voz da empresa confirmou que as equipes de resgate continuarão trabalhando na busca das oito pessoas que estão desaparecidas.

"Acreditamos que faltam oito pessoas, mas ainda falta realizarmos a contagem de todos os trabalhadores que estavam de serviço no momento da explosão, mas é difícil dar um número definitivo neste momento", afirmou um porta-voz da fábrica, controlada pelo empresário Rayneau Gajadhar.

A explosão, que foi ouvida a quilômetros de distância, provocou a quebra de janelas e portas de estabelecimentos próximos, além de inutilizar vários escritórios na fábrica.

A causa da explosão não foi identificada, embora um supervisor da fábrica tenha dito a jornalistas locais que pode ter sido provocada por funcionários que trabalhavam em uma soldadura perto de um contêiner carregado com material explosivo, incluindo dinamite.

Pessoas em comunidades mais afastadas da explosão confundiram o estrondo com um terremoto.

O primeiro-ministro de Santa Lúcia, Allen Chastanet, expressou suas condolências às famílias dos mortos em Cul de Sac.

"É muito triste quando alguém perde a vida durante o trabalho em tarefas perigosas", disse Chastanet, aos jornalistas, no local da explosão.

"Embora ainda não divulgaram as identidades dos mortos, envio minhas condolências aos seus familiares", afirmou.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos