Imigrantes ilegais usam tecnologia como defesa às batidas de Trump

Alex Segura Lozano.

Austin (EUA), 1 abr (EFE).- A política migratória do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, agressiva contra a entrada e a permanência de imigrantes ilegais no país, levou à criação de um aplicativo para alertar de batidas.

O novo app para dispositivos móveis, chamado "Notifica", permitirá que os imigrantes ilegais alertem parentes, amigos e advogados caso sejam vítimas de batidas migratórias do Serviço de Imigração e Controle de Alfândegas (ICE).

"Sempre existiram as deportações, mas depois da ordem executiva do presidente Donald Trump em seus primeiros dias no cargo, quase todos os imigrantes ilegais são um alvo para o governo federal, por isso pensamos que seria uma boa ideia dotar a comunidade com uma ferramenta deste tipo", disse Adrián Reyna, criador do aplicativo.

Segundo Reyna, que é diretor de estratégias digitais da organização pró-imigrantes United We Dream (UWD), a ferramenta, que estará disponível para iOS e Android a partir de 10 de abril, possibilita que o usuário selecione uma série de contatos telefônicos e os notifique imediatamente caso seja detido.

Com Notifica é possível selecionar vários contatos ao mesmo tempo, com diferentes mensagens pré-determinadas e personalizadas para cada um, sem que o aviso para a família seja o mesmo com destino ao advogado, ao chefe ou à diretora do colégio dos filhos.

Todas as mensagens são enviadas de maneira simultânea com o toque de um botão e serão eliminadas uma vez abertas, com uma tecnologia similar à usada pelo aplicativo Snapchat.

Reyna destacou que as famílias sem documentação têm a necessidade de preparar planos de emergência antes de serem deportadas, principalmente se tiverem crianças ou filhos mais novos envolvidos.

"Esta tecnologia não encerrará as deportações, mas ajudará as famílias que estiverem implicadas neste tipo de situação para saberem que é o momento de executar o plano preparado, com os passos a serem seguidos bem claros após receberem o aviso da pessoa detida", disse Reyna, que é um imigrante ilegal mexicano e filho de pais imigrantes ilegais.

Este é um tema "pessoal" para o jovem mexicano, que viveu de perto várias deportações ao longo da vida na Califórnia, seja entre amigos ou parentes.

Califórnia, Texas, Illinois, Flórida e a cidade de Nova York são os lugares onde mais pessoas se registraram no site do aplicativo para receber uma notificação sobre sua data de lançamento.

Os mais de oito mil inscritos poderão fazer o download de Notifica de maneira gratuita em abril e já começar os preparativos caso sejam detidos com destino à deportação.

Se uma dessas pessoas perceber que os agentes migratórios estão na porta de casa ou for abordada na rua, poderá sacar o telefone, abrir o aplicativo e pressionar o botão de Notifica durante dois segundos para que todas estas mensagens - protegidas com um código - sejam enviadas de maneira imediata.

No entanto, se a situação for tão inesperada que o detido não tenha tempo de apertar o botão, quando chegar ao centro de detenção poderá ligar para a United We Dream, que executará o plano de ação preparado quando o usuário disser corretamente a senha.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos