Papa Francisco telefona para familiares de jovem assassinada na Argentina

Buenos Aires, 10 abr (EFE).- O papa Francisco ligou para os familiares de Micaela García, a jovem cujo assassinato comoveu a Argentina, para transmitir sua "bênção" e dizer que está acompanhando o caso.

O pontífice telefonou na tarde de ontem para Néstor García e Andrea Lescano, os pais da jovem, que moram na província de Entre Ríos (nordeste).

"Ontem, conversamos com ele. Temos a bênção do papa no nosso lar", contou Andrea Lescando à "Radio Continental" nesta segunda-feira.

Ela disse que Francisco abençoou à família e que ele afirmou estar "acompanhando o caso de perto".

Na conversa, o pontífice também mencionou o trabalho social que a jovem, de 21 anos, desempenhava.

"Em meio a tanta dor, uma imensa alegria. O papa Francisco me ligou e falamos por cinco minutos. Ele também falou com Andrea", escreveu no Facebook Néstor García, que agradeceu ao papa por "sua humildade e seu respeito".

Após dias de buscas, o corpo de Micaela foi achado no sábado em um bosque, nos arredores da cidade de Gualeguay (Entre Ríos), onde ela estudava. Sebastián Wagner, que já tinha sido condenado por estupro e estava em liberdade condicional pela decisão polêmica do juiz Carlos Rossi, foi detido pelo crime.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos