Cidadãos evacuados de regiões sírias assediadas chegam a destinos temporários

Cairo, 14 abr (EFE).- Milhares de combatentes e civis evacuados das populações assediadas de Madaya, Al Zabadani, Al Fu'ah e Kafarya chegaram nesta sexta-feira a pontos de acolhimento temporários, segundo um acordo entre o Governo sírio e a oposição armada.

O Observatório Sírio de Direitos Humanos informou que um primeiro grupo que saiu nesta manhã de Madaya, ao noroeste da capital síria, chegou sete horas depois à zona da Al Dimass, nos acessos a Damasco.

O comboio está composto por 60 ônibus e ambulâncias com 2,2 mil pessoas a bordo, entre elas, 400 combatentes opositores.

Ao mesmo tempo, um segundo grupo que foi evacuado dos povos xiitas de Al Fu'ah e Kafarya, na província de Idlib (noroeste), chegaram à zona da Al Rashidin, situada na vizinha província de Aleppo.

A bordo deste segundo comboio viajam 5 mil pessoas, entre eles 1,3 mil milicianos leais ao regime sírio, em 75 ônibus e 20 ambulâncias, detalhou o Observatório.

Al Fu'ah e Kafarya estiveram sitiadas durante mais de dois anos por várias facções islâmicas e insurgentes, entre as quais figura o Organismo de Liberdade do Levante (aliança da ex-filial síria da Al Qaeda).

Já a agência oficial de notícias sírias "SANA" confirmou que os 5 mil evacuados de Al Fu'ah e Kafarya que chegaram à Al Rashidin serão levadas mais adiante ao povoado de Jibrin, ao leste da cidade de Alepo.

A agência explicou que o governo estadual dispôs alojamentos temporários para as famílias de Al Fu'ah e Kafarya em Jibrin e cobrirá suas necessidades básicas.

O acordo de evacuação, alcançado no final de março entre o grupo xiita Hezbollah e Irã, aliados do Governo, e a facção síria Exército da Conquista, procura pôr fim aos sítios de ambos bandos, da mesma forma que outros pactos similares anteriores.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos