Manifestantes com seios à mostra interrompem comício de Le Pen em Paris

Paris, 17 abr (EFE).- Um comício da candidata ultradireitista francesa Marine Le Pen, que reuniu mais de 5.000 pessoas em Paris, foi interrompido em duas ocasiões nesta segunda-feira pela aparição de duas mulheres com os seios à mostra.

A primeira delas saltou ao palco no momento em que Le Pen pronunciava seu discurso, com um ramo de flores, antes que fosse rendida pelos serviços de segurança de seu partido, a Frente Nacional (FN).

"Os militantes da extrema esquerda andam com os pés na cabeça. Atacam a única candidata mulher que defende às mulheres", disse Le Pen quando retomou seu discurso, interrompido durante alguns segundos.

Minutos mais tarde, outra mulher subiu ao palanque no qual estavam as câmeras de televisão, o que obrigou a candidata a interromper o comício novamente.

"Alguns têm problemas para escutar a verdade. Teria sido melhor se tivesse ficado, teria aprendido alguma coisa", declarou Le Pen em meio aos aplausos do auditório, enquanto os seguranças levavam a jovem.

O comício, um dos maiores de Le Pen na capital francesa, quase foi impedido na véspera por militantes da extrema esquerda, que se enfrentaram com as forças da ordem que protegiam o local.

Le Pen repetiu hoje as principais linhas de seu programa, e se mostrou particularmente dura contra a imigração.

A candidata ultradireitista assegurou que, se ganhar as eleições presidenciais francesas, imporá uma "moratória a toda imigração legal" para "deter este delírio que está nos afundando".

"Estas eleições são um referendo entre os que estamos a favor da França e os que estão em contra", finalizou.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos