Deslizamentos de terra deixam pelo menos 10 mortos na Colômbia

Bogotá, 19 abr (EFE).- Pelo menos dez pessoas morreram e várias estão desaparecidas após deslizamentos de terra causados por uma forte chuva que caiu na noite de ontem na cidade colombiana de Manizales, capital do departamento de Caldas, no centro do país, confirmaram nesta quarta-feira fontes oficiais.

"A situação é lamentável. Não quero me antecipar aos dados oficiais, mas acredito que o número de mortos pode passar de 15 ou de 20", disse por telefone à Agência Efe o prefeito de Manizales, Jose Octavio Cardona.

Os bairros mais afetados pelos deslizamentos são os de Aranjuez, Persa, Sierra Morena, González e Granjas y Viviendas, segundo a prefeitura da cidade, de mais de 400 mil habitantes e situada em uma região montanhosa.

O prefeito acrescentou que já se comunicou com o presidente colombiano, Juan Manuel Santos, que perante a gravidade da situação viajará hoje a Manizales.

Esta nova tragédia acontece 20 dias depois de um deslizamento que deixou mais de 300 mortos na cidade colombiana de Mocoa, capital do departamento de Putumayo, no sul do país.

Cardona disse que a chuva que caiu ontem à noite em Manizales e que causou os deslizamentos é algo sem antecedentes na cidade.

"O que acontece é que temos históricos de chuva que nunca tinham acontecido em Manizales", acrescentou o prefeito, que explicou que, segundo o Instituto de Hidrologia, Meteorologia e Estudos Ambientais (Ideam) "ontem à noite caíram 96 milímetros de chuva, e o histórico médio da cidade era de 85".

O prefeito acrescentou que essa quantidade de água "acaba com qualquer cidade".

As autoridades decidiram suspender as aulas nas escolas e nas universidades e pediram às pessoas que não saiam de casa para evitar maiores emergências.

De maneira preventiva, também foi suspenso o fornecimento de água e gás em algumas áreas de Manizales.

Segundo a prefeitura, há 20 pontos da cidade que estão inundados. EFE

ocm/cs

(foto) (vídeo)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos