Presidente da Colômbia diz que "revolução bolivariana fracassou"

Bogotá, 20 abr (EFE).- O presidente colombiano, Juan Manuel Santos, disse nesta quinta-feira que "a revolução bolivariana fracassou" e que assim tinha advertido há seis anos ao então presidente do país, Hugo Chávez.

Este é o terceiro pronunciamento do chefe de Estado colombiano sobre a situação na Venezuela.

Antes, tinha feito essa advertência para expressar sua "séria preocupação" pelo anúncio do presidente Nicolás Maduro sobre um plano para expandir a Milícia Bolivariana armando milhares de civis, tema que ontem pediu a seu chanceler, María Ángel Holguín, denunciar na ONU.

"Há 6 anos, adverti a Chávez: a revolução bolivariana fracassou", escreveu Santos em seu Twitter.

Colômbia e Venezuela compartilham uma fronteira terrestre de 2.219 quilômetros, razão pela qual a crise do país vizinho é seguida com atenção pelas autoridades de Bogotá.

O Governo colombiano segue os recentes fatos ocorridos na Venezuela, onde foram convocadas para hoje novas manifestações da oposição.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos