Texto de apoio ao EI é encontrado junto ao autor do tiroteio de Paris

Em Paris

Uma nota manuscrita de apoio ao grupo jihadista Estado Islâmico (EI) foi encontrada perto do corpo do autor do atentando na avenida Champs-Elysées, em Paris, que ontem matou um policial, segundo diversos meios de imprensa.

Os investigadores estão analisando essa prova, bem como outras encontradas dentro do carro com o qual se dirigiu ao local no qual cometeu o atentado, logo reivindicado pelo EI.

Karim Cheurfi, francês de 39 anos, atirou com um fuzil de assalto contra um furgão da polícia, matando um agente de 37 anos, antes de fugir a pé abrindo fogo também contra outros policiais, dois dos quais ficaram feridos, antes de ser abatido.

No interior de seu veículo foram encontradas outras armas, bem como um exemplar do Corão.

 

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos