Guarda Costeira da Itália resgata 561 imigrantes no Mar Mediterrâneo

Roma, 4 mai (EFE).- A Guarda Costeira da Itália informou nesta quinta-feira que realizou nas últimas horas o resgate de 561 imigrantes em sete operações de salvamento no Mar Mediterrâneo.

Em comunicado, o órgão confirmou que as ações foram coordenadas pela Central de Operações da Guarda Costeira em Roma, ligada ao Ministério de Infraestrutura e Transportes da Itália. Além dos imigrantes resgatados, as equipes encontraram uma pessoa morta.

Os resgatados estavam a bordo de duas lanchas pneumáticas e cinco barcaças. Eles foram auxiliados por embarcações da própria Guarda Costeira, da Marinha Militar da Itália e de duas ONGs.

Além disso, a organização Médicos Sem Fronteiras informou hoje que levará amanhã ao porto da cidade de Catania, na ilha da Sicília, seis corpos - de cinco mulheres e um homem - recuperados nos últimos dias no mar em operações similares.

A Organização Internacional para as Migrações afirmou no último dia 21 de abril que 43 mil imigrantes e refugiados chegaram à Europa pelo Mediterrâneo neste ano. O número de mortos já ultrapassa 1.000, segundo o balanço do órgão.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos