Invenções inusitadas tentam ficar famosas em Paris

Yago Grela.

Paris, 4 mai (EFE).- As invenções mais curiosas do mundo, de um dispositivo que ajuda pessoas surdas a traduzir sons em cores até uma croqueteira espanhola, tentam em Paris (França) o prêmio do histórico Concours Lépine (Concurso Lépine).

A disputa, realizada pela primeira vez em 1901, está na 116ª edição com 562 invenções. Na lista de antigos ganhadores é possível encontrar desde o lenço de papel (1901) até um aplicativo para protocolos diabéticos (2016).

"Estamos aqui para vender, mas também para ver ideias e exportá-las", afirmou à Agência Efe Diego Robledo, representante de uma empresa de Zaragoza, na Espanha, que participa do concurso pela primeira vez.

A croqueteira, conforme explicou enquanto demonstra o funcionamento aos visitantes, é "uma espécie de tesoura com moldes adaptáveis na ponta".

"Na Espanha dizemos que é para fazer croquetes e as pessoas já sabem para que serve, aqui temos que dizer que também serve para fazer bolinhos de carne, de arroz e para o sushi, por exemplo", explicou.

Andando pelo salão é possível ver também tampas de vaso sanitário intercambiáveis, descascadores de frutas que podem ser usados com um dedo, régua com compasso integrado, cabides de patins, curativo sem cola para ferimentos e até uma vara para recolher bolas de petanca (esporte semelhante à bocha) do chão sem precisar se abaixar.

"O concurso tem como missão apoiar os inventores franceses e promover a inovação mundial", segundo a organização.

Para o francês David Rodríguez, a participação no evento é para "ganhar notoriedade e tornar seu produto conhecido". Com sua invenção, ele pretende "reduzir o consumo de energia" através de um aparelho que fica debaixo do prato do chuveiro e que recicla o calor da água usada.

A visibilidade que encontra na feira, em sua opinião, compensa o investimento que os participantes têm que fazer e que inclui "o estande, a eletricidade, o estacionamento, o hotel...".

Para Xavier Nogue, criador de um kit de madeira que pode ser usado pra fazer 40 móveis diferentes, este gasto vale a pena.

"Este é meu segundo ano. Venho para encontrar distribuidores", afirmou.

Segundo os organizadores, a tecnologia está cada vez mais presente neste concurso, que fica aberto até o próximo dia 6 de maio.

Os visitantes podem conhecer um aparelho que quando entra em contato com a garrafa de vinho informa ao consumidor as caraterísticas da bebida, fones de ouvido que não prejudicam os tímpanos, chaveiros que recarregam o celular e dispositivos que localizam objetos perdidos.

O prêmio principal e outros reconhecimentos serão entregues pelo presidente da França, François Hollande.

Com mais de 200 invenções e perto de cem reconhecimentos, o francês Claude Dumas, autor da escada retrátil, é até agora a pessoa mais premiada do concurso.

Atualmente, o evento faz parte da Foire de Paris (ou Feira de Paris), fundada em 1904 pelo joalheiro Gustave Sandoz e que no ano passado foi visitada por mais de 500 mil pessoas durante seus 12 dias.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos