Partido de Merkel ganha segunda batalha eleitoral do ano na Alemanha

Berlim, 7 mai (EFE).- A União Democrata-Cristã (CDU), partido liderado pela chanceler da Alemanha, Angela Merkel, venceu neste domingo as eleições regionais do estado federado de Schleswig-Holstein, superando mais uma vez o Partido Social-Democrata (SPD), que perde a segunda batalha nas urnas do ano a menos de cinco meses do pleito geral.

Após vencer no Sarre em fevereiro, a CDU voltou a mostrar nesse estado que faz fronteira com a Dinamarca o impacto nulo nas eleições regionais do chamado "efeito Schultz", a ascensão do SPD nas pesquisas após a escolha do ex-presidente do Parlamento Europeu, Martin Schulz, como candidato do partido nas eleições gerais.

Segundo as projeções de voto das emissoras públicas alemãs, a CDU, com o quase desconhecido Daniel Günther como líder na região, obteve 33% dos votos, 2,5 pontos percentuais a mais do que nas últimas eleições e quase 7 na frente do SPD.

Após a divulgação das primeiras projeções em Schleswig-Holstein, Schulz reconheceu sua decepção com o resultado. A secretária-geral do SPD, Katarina Barley, pediu que as eleições regionais não sejam comparadas com as gerais por terem características distintas.

Além disso, o Alternativa para a Alemanha (AfD), partido de extrema direita, conseguiu superar por pouco a cláusula de barreira de 5% dos votos e terá cadeiras no parlamento regional.

Com cerca de 13% dos votos, os Verdes, aliados da CDU no governo regional, e peça chave para formar um novo executivo no Land, se mantiveram como terceira força.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos