Menino boliviano é acorrentado a poste pelo pai para cuidar de carros

La Paz, 8 mai (EFE).- A polícia da Bolívia resgatou um menino de nove anos cujo pai lhe amarrou a um poste em um estacionamento na região de Santa Cruz para obrigá-lo a trabalhar como cuidador de carros, informou nesta segunda-feira uma fonte oficial.

O menino foi encontrado acorrentado pelo pé a um poste em um supermercado na cidade de Montero, a 50 quilômetros da cidade de Santa Cruz, capital da região homônima, segundo disse à imprensa o diretor regional da Força Especial de Luta contra a Violência (FELCV), Ángel Morales.

"O menor foi entregue à Defensoria Pública em Montero para que façam as cobranças pertinentes quanto ao trabalho psicológico que será necessário fazer", declarou Morales.

A polícia procura agora o pai do menino "para que justifique por que mantinha ao menor nesse estado", acrescentou.

O pai pode ser indiciado por violência familiar doméstica e exploração de menores, segundo antecipou o chefe policial.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos