ONU pede que Nigéria se empenhe em libertar reféns do Boko Haram

Genebra, 9 mai (EFE).- Relatores especiais da ONU pediram nesta terça-feira ao governo da Nigéria e à comunidade internacional que sejam tomados todos os passos necessários para assegurar a liberdade dos reféns sequestrados pelo grupo terrorista Boko Haram e que as 82 meninas libertadas recentemente recebam apoio.

Os relatores sobre o tráfico de crianças, Maud de Boer-Buquicchio (Holanda); escravidão, Urmila Bhoola (África do Sul); e direito à saúde, Dainius Pûras (Lituânia), exigiram em um comunicado que seja garantida a reabilitação das jovens libertadas após mais de três anos nas mãos do Boko Haram em Chibok e sua reintegração à sociedade. Os especialistas independentes da ONU qualificaram a liberdade destas jovens de um passo "importante", mas pediram que "todas as outras meninas e todas as demais vítimas que permanecem reféns do Boko Haram não sejam esquecidas".

Nesse sentido, os relatores lembraram que três anos depois do violento ataque contra uma escola secundária em Chibok, no nordeste do país, por parte do Boko Haram, ainda há 115 estudantes nas mãos do grupo terrorista do total de 276 alunas sequestradas.

"Assegurar a liberdade de todos os reféns sequestrados é urgente e não podemos permitir que alguém seja esquecido", enfatizaram os relatores, que exigiram que o governo nigeriano tome todas as medidas necessárias para localizar os reféns e garantir seu retorno seguro.

Após a libertação das 83 meninas e de outras 21 em outubro do ano passado, os especialistas da ONU reiteraram a necessidade de que seja oferecida ajuda às jovens.

"O governo da Nigéria e outros devem assegurar que os serviços que estas meninas necessitam, entre eles assistência psicossocial, de saúde, informação sobre o sustento de suas vidas e o acesso a indenizações, estejam disponíveis", afirmaram os especialistas da ONU.

Os três relatores também pediram à Nigéria que os responsáveis pelo sequestro sejam levados à Justiça.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos