UE pede que EUA mantenham apoio financeiro à ONU e cumpram Acordo de Paris

Nações Unidas, 9 mai (EFE).- A Alta Representante da União Europeia (UE) para Política Externa e Segurança, Federica Mogherini, pediu nesta terça-feira que os Estados Unidos mantenham seu apoio financeiro à ONU e cumpram com o Acordo de Paris sobre o clima.

Mogherini, em um discurso no Conselho de Segurança das Nações Unidas, se pronunciou dessa forma em resposta à intenção do governo dos Estados Unidos de reduzir suas contribuições à organização e ao debate no governo Trump sobre a possibilidade de o país sair do grande pacto global contra a mudança climática.

"Continuamos esperando que os EUA encontrem um caminho para continuar comprometido com o Acordo de Paris", disse a diplomata italiana.

Mogherini revelou que tem consciência de que há um "debate" a respeito em Washington e disse que a Europa o "respeita muito", mas lembrou que 195 países assinaram o pacto e todos desenvolverão seus próprios caminhos para cumprir com as metas do mesmo.

"Tenho certeza de que há espaço para que o governo americano encontre seu próprio caminho", frisou a Alta Representante da UE.

Por outro lado, Mogherini insistiu no papel fundamental que a ONU desenvolve e deixou claro o compromisso da UE de continuar sendo um de seus principais contribuintes.

Concretamente, a diplomata italiana lembrou que as contribuições voluntárias do bloco aos fundos e agências das Nações Unidas representam a metade de seu orçamento.

Mogherini disse que os países europeus veem esse investimento como algo que está de acordo com seus próprios interesses, devido ao papel de órgãos como Unicef, Acnur e o Programa Mundial de Alimentos na hora de manter a estabilidade no mundo.

"Deixem-me ser clara e falar diretamente a nossos amigos americanos: para nós, é essencial que todos mantenham os investimentos nas agências da ONU ", frisou Mogherini.

Após a chegada de Trump à Casa Branca, Washington decidiu cortar todo o seu financiamento a uma dessas agências, o Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA), e seus planos orçamentários incluem grandes cortes em matérias internacionais, que afetarão diretamente a ONU.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos