Guterres vê China como "firme suporte" de um mundo aberto e multilateral

Pequim, 13 mai (EFE).- O secretário-geral da ONU, António Guterres, disse neste sábado que a China demonstrou ser um "firme suporte de um mundo aberto e do multilateralismo" ao organizar o fórum das Novas Rotas da Seda que começará amanhã em Pequim, informa a agência estatal "Xinhua".

Guterres se reuniu nesta tarde com o ministro chinês de Assuntos Exteriores, Wang Yi, a quem disse que esta iniciativa representa a "visão estratégica e a longo prazo ", que qualificou de "única".

Além disso, o responsável da ONU explicou que a organização trabalhará junto a China para ajudar os países em desenvolvimento a conseguir um crescimento mais rápido e se ajustar à Agenda 2030 para o desenvolvimento sustentável.

O político português destacou que as Novas Rotas da Seda são uma "contribuição fundamental" para enfrentar os problemas globais através da cooperação internacional.

Junto a Guterres estiveram presentes na reunião o presidente da Assembleia Geral da ONU, Peter Thompson, e o alto representante da Aliança de Civilizações, Nassir Abdulaziz Al-Nasser.

O ministro chinês assegurou que seu Governo trabalhará com a Aliança de Civilizações para "melhorar o entendimento entre os países participantes" e promover o progresso.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos