Menina de 8 anos e jovem de 18 são primeiras vítimas identificadas no R.Unido

Manchester (R.Unido), 23 mai (EFE).- Uma menina de 8 anos e uma jovem de 18, ambas do Reino Unido, são as primeiras vítimas identificadas nesta terça-feira do atentado suicida que matou 22 pessoas ontem à noite, após uma apresentação em Manchester da cantora pop americana Ariana Grande.

A menina Saffie Rose Roussos tinha ido ao show na Manchester Arena com sua mãe, Lisa Roussos, quando um terrorista detonou um artefato de fabricação caseira que levava junto ao corpo, segundo confirmaram as autoridades do condado de Lancashire, no norte da Inglaterra.

O diretor da escola primária em que Saffie estudava, Chris Upton, a descreveu como "simplesmente uma menina maravilhosa".

"Ela era muito bem-querida. Seu calor e sua amabilidade serão lembrados com carinho. Saffie era quieta e modesta, com um toque criativo", disse Upton, que descreveu a morte da menina como uma "grande comoção".

A segunda vítima identificada é Georgina Callender, uma estudante de 18 anos que estudava no centro de ensino superior Runshaw College, em Leyland, ao noroeste de Manchester.

"Os nossos mais sentidos pesares, pensamentos e preces se dirigem à família de Georigina, aos seus amigos e a todos os atingidos por esta perda", afirmou um porta-voz do centro educativo.

O jornal local "Manchester Evening News" arrecadou cerca de 200 mil libras (230 mil euros) em uma campanha através da internet para ajudar à família de Callander.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos