Trump encerra visita ao Oriente Médio e parte rumo ao Vaticano

Jerusalém, 23 mai (EFE).- O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, decolou às 16h21 local (10h21, em Brasília) do aeroporto de Ben Gurion, em Tel Aviv, encerrando uma visita de 28 horas a Israel e Palestina na qual tentou promover uma aproximação para a paz.

Trump conclui assim a segunda etapa da sua primeira viagem internacional e segue rumo a Roma, onde será recebido pelo papa Francisco no Vaticano.

Durante as 28 horas que esteve na região, Trump visitou Jerusalém e a cidade cisjordaniana de Belém e se reuniu com os presidentes israelense, Reuven Rivlin e palestino, Mahmoud Abbas, bem como com o primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu.

Trump não anunciou nenhuma iniciativa para retomar negociações de paz, ainda que tenha se mostrado muito otimista nessa questão e assegurou que Netanyahu e Abbas estão dispostos a isso.

O líder americano também insistiu na sua condenação ao terrorismo e pediu uma aliança internacional na luta contra os terroristas, além de indicar que a paz entre palestinos e israelenses pode ajudar para uma paz regional.

O presidente americano elogiou o Estado de Israel e manifestou que este tem laços inquebrantáveis, antigos e eternos com a Terra Santa, como também elogiou seu anfitrião na anterior etapa da sua viagem, o rei Salman da Arábia Saudita.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos