Líbano proíbe exibição de "Mulher Maravilha", pois protagonista é israelense

Beirute, 1 jun (EFE).- O governo do Líbano proibiu a exibição do filme "Mulher Maravilha", que estava previsto para estrear nesta quinta-feira no país, por conta da nacionalidade da protagonista, a atriz Gal Gadot, que nasceu em Israel, segundo informações de fontes oficiais.

O departamento de Segurança Nacional, responsável pela censura, aceitou a solicitação de veto ao filme de Hollywood, baseado no popular personagem de história de quadrinhos, que foi realizada nesta semana pelo Ministério da Economia.

Uma sala de Beirute, Grand Cinemas, exibiu o filme na noite de ontem, em uma sessão de pré-estreia, antes que o veto entrasse em vigor e que recebeu uma "autorização prévia" da Segurança Nacional, segundo disse o responsável de distribuição do cinema, Isaac Fahed, em entrevista ao jornal "L'Orient-Le Jour".

Fahed afirmou que a sala não voltará a exibir o filme, em "respeito" a decisão das autoridades libanesas, embora questione a petição do veto, que supostamente partiu do Escritório para o Boicote Árabe a Israel, que pertence à Liga Árabe.

"Queremos explicações. Se o objetivo é desalentar os cidadãos israelenses, deveria proibir a exibição de 10% a 15% dos filmes de Hollywood. Nos disseram que a proibição vem da Liga Árabe, mas 'Mulher Maravilha' está passando em todos os países árabes, e chegará ainda em e lo será inclusive em Ramallah e Nablus", comentou.

"Mulher Maravilha" estreia hoje nos Emirados Árabes Unidos e no próximo dia 23 chegará aos cinemas do Egito, únicos países árabes que o filme estará em cartaz, segundo o site da produção americana.

Outros noves filmes em que Gal Gadot atuou passou normalmente no Líbano, sem que as autoridades impedissem, entre eles "Batman vs Superman", onde a atriz israelense interpretava o mesmo papel da Mulher Maravilha.

O Líbano conta com uma lei para o boicote dos produtos procedentes de Israel, país com o qual nunca assinou um acordo de paz, e isso se aplica a livros, filmes, mostras de arte e internet. EFE

ks/phg

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos