Soldado israelense é ferido por palestina, que foi alvejada e está na UTI

(Atualiza com informações e estado de saúde da agressora).

Jerusalém, 1 jun (EFE).- Um soldado de Israel ficou ferido levemente nesta quinta-feira ao ser esfaqueado por uma adolescente palestina de 16 anos, que foi ferida por disparos após atacá-lo, no norte do território ocupado da Cisjordânia, informou o exército israelense.

O incidente violento aconteceu por volta das 10h locais (4h de Brasília) na entrada do assentamento judaico de Mevo Dotan, a sudoeste da cidade de Jenin, depois que a jovem se aproximou do militar e o atacou. Em seguida, a jovem foi atingida por disparos das forças de segurança.

A agressora foi identificada pelo jornal "Haaretz" como Nuf Ikab Abed al Afar, de 16 anos e moradora da localidade de Jabad.

A jovem se encontra em "estado crítico" e foi levada para a Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) do centro médico Hillel Yafe, informou o serviço de emergências Maguen David Adom (MDA, Estrela de David Vermelha, o equivalente israelense da Cruz Vermelha).

O soldado, de cerca de 20 anos, sofreu ferimentos de faca na parte superior do corpo e foi também levado para um hospital para receber tratamento médico, indicou a MDA.

As agressões de palestinos a israelenses com armas brancas estão inseridas em uma onda de violência que começou em outubro de 2015, na qual morreram 256 palestinos e dois jordanianos - mais de dois terços deles agressores ou supostos agressores - e 43 israelenses e outras quatro pessoas de várias nacionalidades.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos