Milhares de palestinos participarão da primeira sexta-feira de Ramadã em Aqsa

Jerusalém, 2 jun (EFE).- Dezenas de milhares de palestinos de Jerusalém Oriental e os outros territórios ocupados passarão pela Mesquita de Al-Aqsa, em Jerusalém, onde participarão, ao meio-dia, da primeira sexta-feira do Ramadã.

O Exército de Israel tem instruções para permitir o acesso da Cisjordânia os homens maiores de 40 anos, as mulheres não tem limite de idade e crianças menores de 11 anos.

As Forças de Segurança israelenses enviaram centenas de soldados e policiais para os acessos a Jerusalém, e dentro da Cidade Velha, onde está localizada a mesquita, e nos demais bairros palestinos da cidade.

"As unidades de Polícia de Fronteiras e patrulhas especiais serão destacadas em todas as áreas para permitir que milhares de pessoas cheguem até a Cidade Velha e ao mesmo tempo impedir que ocorram incidentes de segurança", disse o porta-voz policial israelense, Miki Rosenfeld.

A polícia palestina, por sua vez, implantou um grande número de unidades nos controles que ligam a Cisjordânia com a área de Jerusalém, informou a agência de notícias palestinas "Maan".

O tenente-coronel Luai Arziqat, porta-voz da polícia palestina, disse aos fiéis que se desloquem com cuidado e sem provocar avalanchas com o fim de facilitar a circulação de todas as pessoas que irão até a Esplanada das Mesquitas.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos