Centros de votação em Malta estão fechados

Roma, 3 jun (EFE).- Os centros de votação em Malta foram fechados às 22h (hora local; 17h em Brasília) deste sábado, após 15 horas de votação para as eleições legislativas antecipadas.

No pleito competem, principalmente, o atual premeiro-ministro do país, o socialista Joseph Muscat (Partido Trabalhista), e o líder do Partido Nacionalista, o conservador Simon Busuttil.

Ainda não há dados definitivos sobre a participação, mas a previsão é que o número tenha sido alto entre os 330 mil eleitores convocados às urnas. A expectativa é que os resultados sejam divulgados durante a manhã de domingo, segundo a imprensa local.

Muscat tenta nestas eleições recuperar o apoio da população após se ver envolvido por um escândalo de corrupção que implicava sua esposa, Michelle, nos Panama Papers como proprietária de uma empresa fantasma.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos