Mais de 50 mil inscritos para ser redatores da Constituição venezuelana

Caracas, 3 jun (EFE).- O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, informou na sexta-feira que pelo menos 52 mil pessoas assinaram sua nomeação para ser redatores da nova Constituição do país através da Assembleia Nacional Constituinte.

"Até às 18h (hora local) foram registrados 52 mil cidadãos inscritos como candidatos na Assembleia Nacional Constituinte", disse o presidente, em cadeia obrigatória de rádio e televisão.

Por sua vez, a reitora do Conselho Nacional Eleitoral (CNE) Sandra Oblitas confirmou que foram recebidas 52.055 solicitações de candidaturas, e disse que para apresentar a sua postulação os candidatos para a área territorial terão dos dias 6 a 10 de junho, enquanto que os candidatos para a área setorial poderão fazer dos dias 11 a 14 de junho.

A reitora afirmou que vê com "satisfação" a quantidade de solicitações pois, segundo ela, "é uma expressão de confiança na democracia".

Já Maduro qualificou de "impressionante" o alcance da convocação e destacou que nela participaram "líderes sociais" e "populares" de todos os setores.

O presidente venezuelano no início do mês passado uma Assembleia Constituinte, como saída para crise que vive o país há dois meses, com protestos convocados pela oposição, vários dos quais resultaram em violência que deixou 63 mortos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos