EI executa 11 membros na província de Deir ez Zor

Cairo, 4 jun (EFE).- O grupo terrorista Estado Islâmico (EI) executou neste domingo 11 membros na cidade da Mayadin, no leste da província de Deir ez Zor (nordeste), informou o Observatório Sírio de Direitos Humanos.

Segundo as fontes da ONG, os jihadistas abriram fogo contra seus combatentes em uma área da cidade, que é considerada um dos principais redutos do EI na Síria.

Os ativistas desconhecem as identidades dos executados e as acusações pelas quais foram assassinados pelo grupo terrorista.

A ONG detalhou que os extremistas cavaram uma grande cova para depositar os corpos de seus combatentes.

Segundo o Observatório, o grupo terrorista matou 25 membros no mês passado, na mesma província, acusados de adultério, assassinato e tráfego de armas.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos