Japão condena atentado e pede precaução a cidadãos que visitem Londres

Tóquio, 4 jun (EFE).- O ministro de Exteriores do Japão, Fumio Kishida, condenou neste domingo com firmeza os atentados terroristas em Londres, nos quais morreram nove pessoas, entre elas três terroristas, e pediu precaução a seus cidadãos que visitem a capital britânica.

"Não podemos tolerar nenhum tipo de terrorismo por nenhum tipo de razão. Condenamos o ato firmemente", assegurou o chefe da diplomacia japonesa em declarações divulgadas pela rede pública "NHK".

Kishida disse, além disso, que o Japão está disposto a cooperar com o Reino Unido "para prevenir o terrorismo" e enviou suas condolências pelas vítimas.

O Japão emitiu uma advertência de viagem a Londres aos seus cidadãos para que evitem lugares que possam ser alvo potencial, incluindo pontos turísticos, grandes armazéns, mercados, casas de shows e manifestações políticas.

O Ministério de Exteriores pediu aos visitantes japoneses que "prestem muita atenção aos arredores, e saiam rapidamente se virem algo suspeito".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos