Putin condena atentados de Londres

Moscou, 4 jun (EFE).- O presidente russo, Vladimir Putin, condenou neste domingo os atentados perpetrados ontem à noite em Londres, nos quais morreram seis pessoas e 48 ficaram feridas.

"Putin expressa as suas profundas condolências aos britânicos e condena o ato terrorista", disse aos jornalistas o porta-voz do Kremlin, Dmitri Peskov.

Nas próximas horas, acrescentou, o presidente russo "enviará um telegrama com as condolências à primeira-ministra do Reino Unido, Theresa May".

Pelo menos sete pessoas morreram por causa dos ataques, nos quais três terroristas faleceram após disparos da polícia.

O duplo atentado aconteceu no mercado de Borough Market e na London Brigde, onde um veículo atropelou os pedestres, e depois três pessoas que estavam no carro atacaram as pessoas que estavam no local.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos