Conservadores e trabalhistas estão praticamente empatados em nova pesquisa

Londres, 6 jun (EFE).- Os conservadores da primeira-ministra britânica, Theresa May, e os trabalhistas de Jeremy Corbyn estão quase empatados, conforme uma recente pesquisa divulgada pela rede de televisão "ITV", faltando dois dias para as eleições no Reino Unido.

O levantamento sobre as intenção de voto, feito pela empresa Survation para a emissora britânica, dá aos conservadores "um apoio de 41,5%, enquanto os trabalhistas ficam com 40,4%, os liberais-democratas conseguem 6% e o eurocéticos UKIP têm 3%.

Esta diferença de menos de 2% contrasta com a de quase 20% que os conservadores tiveram com relação aos trabalhistas no início de maio, no começo da campanha para as eleições antecipadas desta quinta-feira. A Survation entrevistou por telefone 1.103 adultos no Reino Unido entre os dias 2 e 3 deste mês.

Hoje, os políticos dão seguimento à campanha em diferentes pontos do país, enquanto o debate sobre a segurança após o atentado de sábado continua. Ontem, Corbyn pediu a renúncia de May por ter decretado, quando era ministra de Interior no anterior governo conservador de David Cameron, o corte de verba para a Polícia.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos