Defesa Civil do Iraque encontra 17 corpos de vítimas do EI perto de Mossul

Mossul (Iraque), 6 jun (EFE).- Agentes da Defesa Civil da província de Ninawa, no norte do Iraque, encontraram os corpos de 17 pessoas jogados em dois poços de água perto de Mossul, em uma região da cidade dominada pelo grupo Estado Islâmico até outubro de 2016.

Os corpos foram localizados em Bashiq, um povoado da comarca de Bartala, a 25 quilômetros ao nordeste de Mossul. Dez deles estavam em um dos poços e os outros sete em outro.

As informações foram passadas à Agência Efe pelo chefe da Defesa Civil de Ninawa, Mohammed al Yawuari. Por enquanto, não se sabe a identidade dos 17 mortos, mas acredita-se que sejam vítimas do Estado Islâmico que foram jogados posteriormente nos poços.

Os moradores da região alertaram os agentes, e as equipes de resgate retiraram os corpos dos poços. Eles foram levados a um centro médico para serem identificados.

A região de Bartala foi uma das primeiras libertadas pelo Exército do Iraque em outubro do ano passado, quando foi iniciada uma ofensiva para expulsar o Estado Islâmico de Mossul.

Atualmente, as tropas iraquianas estão combatendo os terroristas no centro antigo de Mossul, o último reduto do grupo na cidade, que já chegou a ser a mais importante do autodenominado califado dos jihadistas.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos