Milhares de pessoas fazem 1 minuto de silêncio pelo atentado em Londres

Londres, 6 jun (EFE). - O Reino Unido fez nesta terça-feira um emocionante minuto de silêncio em memória das vítimas do atentado terrorista de sábado passado em Londres, que deixou sete mortos e 48 feridos.

Mesmo sob forte chuva, o prefeito da capital britânica, Sadiq Khan, presidiu o ato na London Bridge, onde aconteceu o ataque, acompanhado de milhares de pessoas.

"Desde o assassinato do soldado Lee Rigby (em 2013) até o primeiro atentado na Ponte de Westminster foram 13 ataques. Eu digo há muito tempo: quanto mais policial tivermos nas ruas e nas comunidades, mais seguros estaremos. Se tivéssemos mais agentes as pessoas poderiam reportar as coisas e estaríamos mais seguros. A responsabilidade é inteiramente dos terroristas, mas faz falta mais policiamento nas ruas", disse ele à rede britânica "BBC" após o minuto de silêncio.

Khan, o primeiro prefeito muçulmano de Londres, que esteve no ato ao lado de membros do Corpo de Bombeiros e dos Serviços de Emergência, lembrou que a Polícia Metropolitana (MET) "teve cortes de 600 milhões de libras" (mais de R$ 2,5 bilhões) nos últimos anos" e que "não tem mais de onde cortar".

"A polícia está fazendo um trabalho excelente com os poucos recursos que dispõem e não há dúvida de que faria melhor com mais recursos", defendeu Khan.

No sábado à noite, três homens usaram uma caminhonete para atropelar pedestres que estavam na London Bridge e depois esfaquearam várias pessoas que estavam em bares e restaurantes no Borough Market.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos