Trabalhistas ganham última cadeira em jogo nas eleições britânicas

Londres, 9 jun (EFE).- O Partido Trabalhista levou nesta sexta-feira, por uma diferença de 20 votos, a última cadeira em disputa nas eleições gerais britânicas, um resultado final que o deixa com 262 parlamentares na Câmara dos Comuns, contra 318 do Partido Conservador, que manteve o status de maior bancada, mas perdeu a maioria absoluta que tinha antes da convocação do pleito.

No distrito eleitoral de Kensington (Londres), o última dos 650 que ainda não tinham encerrado a apuração, a candidata trabalhista Emma Dent Coad, somou 16.333 votos, e a "tory" Victoria Borwick obteve 16.313.

Com o fracasso do Partido Conservador em manter ou ampliar sua vantagem na Câmara, a primeira-ministra do Reino Unido, a conservadora Theresa May, terá que negociar a formação de um novo governo com o Partido Democrático Unionista (DUP), da Irlanda do Norte, para pelo menos obter a maioria parlamentar, que é de 326 deputados.

Reduto conservador desde 1974, a cadeira de Kensington passou para os trabalhistas após três recontagens, um processo que foi concluído quase 24 horas após o fechamento dos colégios eleitorais, que ocorreu às 22h de quinta-feira (horário local, 18h de Brasília).

Com a apuração já encerrada, o Partido Conservador obteve um total de 13.667.213 votos e perdeu 13 deputados em relação ao resultado das eleições de 2015, enquanto o Partido Trabalhista somou 12.874.985 votos, com os quais consegue 30 deputados a mais do que antes.

Apesar das pressões sobre May por parte da oposição e de seus próprios aliados para considerar dar um passo atrás, a primeira-ministra assegurou que tem intenção de negociar com os unionistas norte-irlandeses a formação de um governo "estável".

O governo britânico encara nos próximos dias o início das negociações com Bruxelas para estabelecer as condições da saída da União Europeia (UE) e também deverá lidar com a ameaça terrorista ao Reino Unido.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos