Felipe VI mostra potencial espanhol em energias limpas na Expo de Astana

Carlos Pérez Gil.

Astana, 10 jun (EFE).- O rei da Espanha, Felipe VI, realizou neste sábado a visita inaugural ao pavilhão do país na Exposição Internacional de Astana, no Cazaquistão, com a ideia de mostrar ao mundo e, em particular, a região da Ásia Central, o potencial espanhol e das suas empresas em matéria de energia renovável.

A Expo 2017 começou ontem, com o tema "Energia do Futuro" com o propósito do país anfitrião, o Cazaquistão, de avançar para um modelo mais sustentável que desafie a mudança climática.

Espanha é um dos 115 países, assim como 22 organizações, presentes na feira que tem como vitrine se promover como país e líder no setor das energias limpas.

Após uma reunião bilateral com o presidente cazaque, Nursultan Nazarbayev, no palácio presidencial Akorda, Felipe VI foi até a exposição para inaugurar o pavilhão espanhol, que leva o título de "Energia para o planeta".

Ao lado do ministro das Relações Exteriores espanhol, Alfonso Dastis; o secretário de Estado de Cultura e presidente da Ação Cultural Espanhola (ACE), Fernando Benzo, e o alto comissionado da Marca Espanha, Carlos Espinosa de los Monteros, o Rei esteve no local para conhecer seu conteúdo.

Primeiro observou a fachada da instalação, decorada com um mural do artista Alberto Corazón, intitulado de "Como pavesas encendidas", que ilustra o poder da energia através do fogo, com as cores vermelhas e amarelas, da bandeira espanhola.

A carta de apresentação do pavilhão, que custou 2,5 milhões de euros, é um mosaico de imagens de vídeo que refletem o variado patrimônio espanhol em todas as suas vertentes.

Monumentos como a Alhambra de Granada, o flamenco, as festas de São Firmino, as tapas, o trem de alta velocidade, a seleção de futebol e ciclistas Alberto Contador com a camiseta de Astana, sua antiga equipe, são alguns dos comerciais com os quais se pretende chamar a atenção dos turistas, sobretudo dos países da Ásia Central, que visitem a feira.

Com as explicações da diretora do pavilhão, Carmen Bueno, Felipe VI parou diante de um mapa-múndi com todos os projetos de energias limpas que empresas espanholas desenvolveram nos cinco continentes, especialmente, no setor solar e eólico.

Após observar outros painéis explicativos, a comitiva chegou até a praça em que a exposição é articulada onde se pretende refletir a aldeia global na qual vive a humanidade em conexão com a natureza.

Na praça, sobe uma árvore "ao vivo" perante rei da Espanha, que fixou seu olhar antes de entrar nas três "casas" que completam o espaço.

Felipe VI teve oportunidade de conversar com alguns espanhóis que residem no Cazaquistão antes de concluir a visita, com uma passagem pelos espaços da Alemanha, Holanda e Mônaco.

A exposição de Astana estará aberta ao público até o dia 10 de setembro.

A feira, semelhante ao que ocorreu na cidade espanhola de Zaragoza, em 2008, centrada na água, tem a categoria de internacional e precede o universal, que será organizado por Dubai, em 2020, cuja duração é de seis meses, como as que aconteceram em Sevilha (1992) e Milão (2015).

A passagem de Felipe VI pela exposição marcou o fim de sua visita de duas dias ao Cazaquistão, onde aproveitou para manter encontros bilaterais com governantes que participaram da inauguração, como o presidente chinês, Xi Jinping e o russo Vladimir Putin.

Em sua reunião com Nazarbayev, agradeceu sua oferta de continuar com a relação no mais alto nível entre Espanha e Cazaquistão, iniciada durante o reinado de Juan Carlos I.

"É um privilégio de poder continuar a fantástica relação bilateral", disse Felipe VI, no início da entrevista realizada no palácio presidencial.

Nazarbayev se mostrou disposto a reforçar a cooperação econômica diante do interesse das empresas espanholas de aumentar a sua carteira de negócios com a ex-república soviética, especialmente em setores como infraestrutura.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos