Ex-presidente do Panamá vai depor à Justiça em Miami

Miami (EUA), 12 jun (EFE).- O ex-presidente do Panamá Ricardo Martinelli (2009-2014), sobre o qual pesa uma ordem internacional de captura ditada pela Interpol com fins de extradição, foi posto sob custódia das autoridades federais dos Estados Unidos e nesta terça-feira vai depor à Justiça do país.

O US Marshalls - agência de aplicação da lei e uma unidade de polícia federal dos EUA - confirmou à Agência Efe a detenção do ex-presidente, da qual tinha informado previamente no Panamá a advogada de Martinelli, Alma Cortés, em declarações também à agência.

Manny Puri, chefe adjunto do US Marshalls, disse que o ex-presidente foi detido pro volta das 18h30 (horário local, 20h30 em Brasília) "perto da sua casa", em Coral Gables, cidade perto de Miami.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos