Partido populista finlandês racha após escolha de líder ultradireitista

Helsinki, 13 jun (EFE). - Um considerável grupo de deputados do partido Verdadeiros Finlandeses anunciou nesta terça-feira que deixará o grupo parlamentar populista para criar um próprio, em resposta a guinada à ultradireita que a nova diretiva eleita no sábado passado representa.

O novo grupo parlamentar, intitulado Nova Alternativa, será formado por 20 dos 37 deputados populistas, entre eles o fundador do partido e ministro de Relações Exteriores, Timo Soini, e os demais ministros da formação ultra-nacionalista que fazem parte do governo tripartite de Helsinki. Esta cisão, inédita na política finlandesa, deixa os Verdadeiros Finlandeses, liderados desde o sábado pelo eurodeputado radical Jussi Halla-aho, com 17 deputados no Eduskunta (parlamento finlandês).

A quebra do partido eurocético acontece apenas 24 horas depois que o primeiro-ministro, Juha Sipilä, decidir expulsar os Verdadeiros Finlandeses da coalizão governamental, após constatar que os valores de seu novo executivo não são compatíveis com a tradicional tolerância e europeísmo do governo. Sipilä tinha previsto se reunir hoje com o presidente finlandeses, Sauli Niinistö, para solicitar a dissolução do atual Executivo e receber autorização para iniciar negociações com os demais partidos políticos, com o intuito de buscar novas alianças que evitem a convocação de eleições antecipadas.

Os deputados de Nova Alternativa têm se oferecido para fazer parte da nova coalizão, junto aos centristas de Sipilä e dos conservadores do ministro das Finanças, Petteri Orpo, mantendo o programa de governo lembrado após as eleições de 2015. Estes três grupos políticos lado a lado contariam com uma leve maioria absoluta no Eduskunta, ao somar 106 das 200 cadeiras.

A única outra opção viável seria a entrada no Executivo dos dois grupos parlamentares minoritários, o Partido Popular Sueco e o Partido Democrata-cristão, já que as forças opositoras de esquerda se negam a negociar com Sipilä e exigem eleições antecipadas.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos