Após ataque, Trump pede que divisões políticas sejam evitadas

Washington, 14 jun (EFE). - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, pediu união política após o ataque que deixou vários feridos, entre eles um congressista republicano, nesta quarta-feira depois que informações de que o suposto autor da ação tinha ideais progressistas e queria "destruir" o governante americano surgiram.

"Podemos ter as nossas diferenças, mas em tempos como este é bom lembrar que todos os que servem no nosso Capitólio estão ali porque amam o seu país. Somos mais fortes quando estamos unidos e quando trabalhamos lado a lado pelo bem comum", disse Trump, em pronunciamento na Casa Branca.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos