Temporada de chuvas deixa 7 mortos e afeta mais de 50 mil na Guatemala

Cidade da Guatemala, 19 jun (EFE). - A temporada de chuvas deste ano, que começou em maio, já contabilizou sete mortes e mais de 50 mil afetados na Guatemala, informou a Coordenadoria Nacional para a Redução de Desastres (Conred) nesta segunda-feira.

Conforme o relatório mais recente, sete pessoas morreram, uma está desaparecida e 19 ficaram feridas. A instituição não detalhou em quais lugares foram registrados os óbitos.

No último fim de semana, de acordo com o Corpo de Bombeiros, dois menores de idade morreram afogados no município de Chinautla. O Sistema de Proteção Civil, por sua vez, informou que 50.006 pessoas foram afetadas de alguma forma, 705 feridas, 850 retiradas de casa e 332 realocadas em diferentes pontos do território guatemalteco.

As chuvas destruíram duas casas e deixam 693 danificadas. Estradas e pontes também sofreram com os efeitos do temporal.

O Instituto Nacional de Sismologia, Vulcanologia, Meteorologia e Hidrologia (Insivumeh), alertou hoje que as chuvas vão continuar pelas próximas horas na Guatemala, um dos países mais suscetíveis aos efeitos da mudança climática, segundo a Organização das Nações Unidas (ONU).

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos