Ativistas fazem protesto contra Temer Festival do Cinema Brasileiro em Paris

Paris, 21 jun (EFE).- Um grupo de ativistas protestou durante a 19ª edição do Festival do Cinema Brasileiro de Paris contra o governo do presidente Michel Temer, informou nesta quarta-feira o coletivo "Alerte France Brésil".

Os manifestantes exibiram cartazes em francês e português no cinema Arlequim como "O Estado brasileiro mata", "Fora Temer" e "Não ao golpe de Estado" na abertura do festival, que começou ontem à noite com a projeção de "Elis".

Um dos ativistas, Ricardo Vagnotti, explicou para a Agência Efe que o objetivo principal era denunciar que Temer usurpou o cargo da ex-presidente Dilma Rousseff.

"O Festival do Cinema Brasileiro tem um público de franceses que estão interessados no Brasil e, de alguma maneira, nossa ideia é conscientizá-los de algo muito obscuro que está acontecendo no Brasil", denunciou Vagnotti.

"Nosso objetivo é apoiar aqui da França o que acontece no Brasil, como faremos na greve do dia 30", indicou o ativista, ao se referir a paralização que acontecerá no Brasil no fim deste mês. Segundo Vagnotti, o Alerte France Brésil está preparando um ato de protesto para esse dia e uma apresentação teatral na Praça da República de Paris para outra data.
 

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos