Barco sueco atraca na Itália com 650 imigrantes e 9 corpos a bordo

Roma, 1 jul (EFE).- Um barco militar da Suécia atracou neste sábado no porto de Catânia, no sul da Itália, com 650 imigrantes a bordo e nove corpos, que tinham sido encontrados por diversas embarcações no Mar Mediterrâneo, informou a imprensa local.

Os mortos são sete mulheres e dois homens e, assim que o navio chegou a Catânia, começaram a ser aplicados os protocolos previstos para o acolhimento dos imigrantes.

Responsáveis policiais locais também estão averiguando se entre os imigrantes desembarcados há traficantes de pessoas. A chegada desses imigrantes acontece depois que na sexta-feira (30) pelo menos 60 pessoas foram dadas como desaparecidas por causa de um naufrágio ocorrido na parte central do Mediterrâneo, segundo relatos de sobreviventes em sua chegada ao porto italiano de Brindisi, também no sul.

Até ali chegaram cerca de 80 sobreviventes, quem viajavam em uma embarcação que naufragou e que levava a bordo por volta de 140 pessoas, segundo declarações veiculadas pela OIM (Organização Internacional de Migrações).

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos