Atentando deixa 12 mortos e 15 feridos na Síria

Cairo, 2 jul (EFE).- Pelo menos 12 pessoas morreram e 15 ficaram feridas hoje pelas explosões de três carros bomba em Damasco, informou o Observatório Sírio de Direitos Humanos.

Entre os mortos está o terrorista suicida que dirigia um dos veículos com explosivos, segundo a ONG, que também afirmou que vários dos feridos estão em estado grave.

A agência oficial síria, Sana, informou que só um dos três carros bombas foi detonado pelos terroristas, enquanto que os outros dois foram interceptados pela Polícia e detonados de forma controlada.

A explosão realizada pelos terroristas aconteceu na praça Al Gadir, no bairro de Al Amara, perto da conhecida praça Tahrir, no centro antigo de Damasco.

Os terroristas ativaram os explosivos quando se viram cercados pelos policiais que os estavam perseguindo, segundo a "Sana".

As novas duas explosões aconteceuram na estrada do aeroporto e, segundo uma fonte de segurança citada por Sana, essas detonações foram ralizadas pelas forças de segurança.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos