Vulcão emite colunas de vapor e cinzas de 500 metros de altura no Equador

Quito, 13 jul (EFE).- O vulcão Reventador, situado a 90 quilômetros de Quito, a capital do Equador, emitiu nesta quinta-feira duas colunas de vapor e cinzas de aproximadamente 500 metros sobre o nível de sua cratera, informou o Instituto Geofísico do país, que também indicou que a formação natural mantém uma atividade "alta e contínua".

O órgão equatoriano indicou que a atividade superficial esteve caracterizada por explosões acompanhadas de emissões e blocos incandescentes rolando por suas encostas.

O instituto detalhou que, na madrugada de hoje, quando o vulcão esteva aparente, se observou uma explosão acompanhada de uma emissão de gases com carga moderada de cinzas e com direção rumo ao noroeste, a uma altura superior a 500 metros sobre o nível da cratera.

Além disso, o órgão detectou blocos incandescentes rolando por todos os flancos do vulcão, até 800 metros sob o nível da cratera.

Posteriormente, foi possível observar novamente uma emissão de gases com carga moderada de cinzas de 500 metros sobre o nível da cratera, em direção ao oeste, segundo o instituto.

Em novembro de 2002, uma erupção do Reventador gerou uma grande nuvem de cinzas que, por causa dos ventos, se dirigiu até Quito e cobriu várias partes da capital.

O vulcão Reventador está situado a cerca de 90 quilômetros a leste de Quito, em um esporão do trecho oriental da Cordilheira dos Andes, que se perde com o início da bacia amazônica.

Com 3.560 metros de altitude, este vulcão começou seu atual processo de atividade em 2002 e se caracteriza por gerar explosões, emissões de gases e cinzas, fluxos de lava e lahars.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos