Incêndio no centro de Portugal mobiliza 200 bombeiros

Guarda (Portugal), 14 jul (EFE).- Um incêndio florestal que começou nesta sexta-feira na comarca portuguesa de Covilhã (centro) obrigou a mobilização de 200 bombeiros e dez aeronaves.

Segundo a Autoridade Nacional de Proteção Civil portuguesa, para o local do incêndio, na área de Santuário de Paul, foram enviados 53 veículos para combater o fogo.

Fontes dos bombeiros da cidade de Covilhã informaram à Agência Efe que as chamas, ainda ativas e com muita intensidade, começaram em uma área muito densa de pinheiros, por isso a necessidade da participação de tantos homens para sua extinção.

Por enquanto, o fogo avança sem controle e afeta uma paragem que há alguns anos foi reflorestada com pinheiros.

Em Portugal há ativos outros dois incêndios florestais, um deles nos limites de Sandomil, povoado da comarca de Seia que pertence ao Parque Natural Serra da Estrela, onde 30 homens no chão e uma aeronave tentam sufocar as chamas.

Há outro foco ativo no povoado de Canedo, no distrito de Aveiro. EFE

cgg/ma

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos