Explosão deixa pelo menos cinco policias egípcios mortos no Sinai

Cairo, 17 jul (EFE).- Pelo menos cinco policiais egípcios morreram nesta segunda-feira e outros ficaram feridos pela explosão de um artefato na cidade de Al-Arish, no norte da península do Sinai, informou a agência oficial de notícias "Mena".

Uma fonte de segurança citada pela agência detalhou que os feridos foram levados ao hospital mais próximo e que a polícia está vasculhando a área onde aconteceu a explosão.

A "Mena" não deu mais detalhes sobre o incidente na capital da província do Sinai do Norte, onde são frequentes os atentados contra as forças de segurança e os militares por parte de grupos armados radicais, entre eles a filial local do Estado Islâmico (EI).

No ataque mais recente, 26 militares morreram após a explosão de vários carros-bomba contra um posto de controle, perto da fronteira com a Faixa de Gaza, há pouco mais de uma semana.

Os ataques se intensificaram desde a queda do presidente islamita Mohamed Mursi após um golpe de Estado militar, em julho de 2013, não só no Sinai, mas em vários pontos do país, inclusive no Cairo.

Geralmente os alvos são membros das forças de segurança ou do sistema judicial, embora recentemente os coptas tenham sido vítimas de quatro sangrentos atentados, todos eles reivindicados pelo EI. EFE

sr/cs

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos