Juiz americano nega novamente liberdade a ex-presidente panamenho

Miami (EUA), 18 jul (EFE).- Um juiz americano rejeitou a liberdade, na terça-feira, mesmo com pagamento de fiança, do ex-presidente do Panamá, Ricardo Martinelli, preso desde o dia 12 de junho, em Miami (Estados Unidos), e adiou para o próximo dia 3 de agosto a audiência da sua extradição.

O juiz Edwin Torres, encarregado pelo julgamento de Martinelli, em Miami, ampliou o prazo da audiência, que estava prevista para o próximo dia 25, segundo documentos da Corte que a Agência Efe teve acesso.

Os advogados do ex-presidente também pediram ao juiz para "reconsiderar" a liberdade pagando uma fiança de Martinelli, solicitação que foi negada de imediato pelo magistrado.

Enquanto isso, Luis Eduardo Camacho, porta-voz de Martinelli, disse à Efe que o ex-presidente está "atento" na prisão, se referindo que ele está por dentro dos detalhes de sua defesa.

"Não existe evidência testemunhal confiável e nem documento que ligue (Martinelli) a realização de atividades contra a privacidade das comunicações", afirmou Camacho em um comunicado.

O porta-voz também desqualificou o testemunho do governo panamenho Ismael Pittí, um ex-funcionário do Conselho Nacional de Segurança (CNS) do Panamá.

O ex-presidente Ricardo Martinelli enfrenta um processo de extradição depois de ser solicitado em seu país sob a acusação de escutas ilegais e enriquecimento ilícito.

Torres tinha afirmado que iria agilizar o julgamento de Martinelli. após negar no início do mês sua liberdade, diante do pagamento de uma fiança, seguindo o argumento da Promotoria, que representa o Governo do Panamá, que representa risco de fuga.

Ricardo Martinelli diz sofrer perseguição do atual presidente panamenho, Juan Carlos Varela, que foi o seu vice, é requerido pela justiça do Panamá para responder acusações de uma rede de escutas ilegais e peculado.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos