Morrem 28 soldados do governo da Síria em uma emboscada perto de Damasco

Beirute, 20 jul (EFE).- Pelo menos 28 soldados governamentais sírios morreram nesta quinta-feira em uma emboscada preparada por uma facção islâmica na região de Ghouta Oriental, principal bastião opositor dos arredores de Damasco, segundo o Observatório Sírio de Direitos Humanos.

Os soldados morreram em uma armadilha elaborada pelo Exército do Islã na cidade de Al Rihan, ao sul da localidade de Duma, a maior de Ghouta Oriental e feudo deste grupo armado.

Nessa região, as autoridades tentam avançar e tomar o controle de várias fazendas dos arredores de Al Rihan a partir das quais se mantém o domínio da cidade.

Por enquanto, os meios de comunicação oficial sírios não divulgaram qualquer informação sobre essas mortes.

Já o Observatório não descartou que o número de mortos aumente, uma vez que há feridos em estado grave.

Nas últimas semanas se intensificaram as hostilidades em Ghouta Oriental, onde as forças governamentais estão tentando progredir frente a facções rebeldes e islâmicas.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos