Orla da Cidade do Panamá será sede da Jornada Mundial da Juventude

Cidade do Panamá, 20 jul (EFE). - O emblemático calçadão da Cidade do Panamá será a sede oficial da Jornada Mundial da Juventude (JMJ) que acontecerá entre os dias 22 e 27 de janeiro de 2019, que deve reunir 370 mil peregrinos para ver o papa Francisco, informou a Igreja panamenha nesta quinta-feira.

"O local escolhido para os principais atos deste encontro mundial será a Cinta Costeira 1", em frente ao Golfo do Panamá, afirmou em coletiva de imprensa o arcebispo metropolitano, José Domingo Ulloa, em nome da Arquidiocese do Panamá e do Comitê Organizador Local (COL) da Jornada Mundial da Juventude 2019.

Segundo o religioso, o local foi o escolhido para receber milhares de jovens depois de mais de um ano de consultas com conferências episcopais do mundo inteiro, após a apresentação de vários lugares possíveis. O ponto também foi aprovado pelos especialistas em segurança do Vaticano e ainda cumpre com todos os requerimentos do pontífice, que, de acordo com Ulloa, pediu "algo simples".

O arcebispo destacou que a COL da JMJ está se preparando para receber 300 mil pessoas só na orla, tanto locais quanto estrangeiros. Para os que não participarem oficialmente como peregrinos serão habilitados espaços complementares dentro e fora da parte turística, como aconteceu nas Jornadas anteriores.

A última edição da JMJ aconteceu no ano passado na Cracóvia, na Polônia, e reuniu 2,5 milhões de peregrinos, segundo a Igreja.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos