Palestino morre em confronto com forças israelenses na Cisjordânia

Ramala, 22 jul (EFE).- Um jovem palestino foi morto em um confronto com as forças de segurança israelenses na Cisjordânia neste sábado, o segundo dia de tensão neste local e em Jerusalém Oriental em protesto pelo reforço dos controles de Israel no acesso à Esplanada das Mesquitas.

O morto, identificado como Yusef Kashur, de 19 anos, foi ferido com uma bala no peito no povoado cisjordaniano de Al Eizariya. A vítima foi transferida ao hospital da cidade de Jericó, onde morreu, segundo informaram fontes médicas à Agência Efe.

O incidente aconteceu após uma onda de violência na região, que seguiu os confrontos de ontem, nos quais três palestinos morreram, 450 ficaram feridos e quatro policiais israelenses também. Durante a noite, um palestino assassinou a facadas três membros de uma família judia no assentamento de Halamish, na Cisjordânia.

Este clima de tensão se insere no cenário de protestos muçulmanos contra as novas medidas de segurança e restrições impostas por Israel em torno da Esplanada das Mesquitas, após o ataque cometido no dia 14 por três árabes-israelenses, que assassinaram dois policiais israelenses, antes de serem abatidos pelas forças de segurança.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos