Sobe para 31 o número de mortos em ataque com carro-bomba em Cabul

Cabul, 24 jul (EFE).- O número de mortos no atentado com carro-bomba cometido nesta segunda-feira pelos talibãs contra um ônibus lotado de funcionários públicos em Cabul subiu para 31, enquanto o total de feridos ronda os 40, informou à Agência Efe uma fonte oficial.

Metade dos mortos, dos quais pelo menos três são mulheres, ficaram completamente calcinados e sua identificação está sendo trabalhosa para as autoridades, declarou o coordenador de Vítimas do Ministério de Saúde Pública, Baz Muhammad Shirzad.

"Desses cadáveres gravemente queimados alguns já foram identificados, mas ainda estamos trabalhando para identificar sete corpos, nem sequer sabemos se são adultos ou crianças", afirmou Shirzad.

Pouco antes de 7h (horário local, 23h30 de domingo em Brasília), um suicida atacou um ônibus que transportava funcionários do Ministério de Minas e Petróleo afegão em sua passagem por uma área residencial da capital, segundo afirmou à Efe o porta-voz da polícia local, Basir Mujahid.

Os talibãs reivindicaram a autoria assegurando que o alvo do ataque, realizado "com um carro repleto de potentes explosivos", eram dois micro-ónibus com "interrogadores" dos serviços de inteligência afegãos.

"Esses dois micro-ónibus estavam há dois meses sob vigilância e foram atacados hoje depois que tinham recolhido todos os passageiros", indicou o porta-voz do grupo insurgente, Zabihullah Mujahid, em uma versão negada pela principal agência de inteligência afegã, o Diretório Nacional de Segurança (NDS).

Este é o atentado mais grave em Cabul desde o último dia 31 de maio, quando um caminhão cheio de explosivos foi detonado na entrada de uma área de alta segurança, onde morreram 150 pessoas e mais de 300 ficaram feridas.

Segundo os dados compilados pela missão da ONU no Afeganistão, o conflito alcançou um novo recorde de mortes de civis, com 1.662 mortos nos primeiros seis meses do ano.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos